Já aconteceu com você

 

 


Postado em 09 de setembro de 2019


Já aconteceu de você se encontrar desesperado com uma situação, achando que está tudo perdido e, repentinamente, tudo se reverte a seu favor? Sabe o que é isso? Nada mais do que a sua ansiedade, que se derreteu, a partir da conclusão de um ciclo necessário e pertinente ao que você tem como objetivo. Tudo tem seu tempo, independente de fé religiosa! E a compreensão do tempo surge no interior de cada pessoa, a partir da calma. Se você fizer a sua parte bem feita, com calma, tudo dará certo!

Nada funciona com a pessoa contaminada pela ansiedade e tensa. Há quem defenda que a ansiedade está ligada a um grande querer, a um grande foco nos objetivos. Eu não concordo, pois a pessoa pode ter as mesmas intensidades de ações, só que envolta pela calmaria. Falo de ações inteligentes, porque a ansiedade tira de nós a capacidade de pensar, de obter razão.

A ansiedade nos faz querer antecipar os fatos de qualquer maneira, na esmagadora maioria das vezes, de forma atabalhoada. A calma nos permite viver os fatos e, se for o caso, de forma lúcida, nos anteciparmos a eles com sabedoria, observando cada detalhe.

A calma é importante pra caramba. A calma é um elemento basilar. Imagine uma pessoa fazendo tudo na vida bêbada. Nada sairá direito, não é mesmo? A ansiedade nos transforma em pessoas bêbadas, porque altera nosso estado de consciência. Se você for dirigir um automóvel bêbada ou contaminada pela ansiedade, nas duas situações, estará se expondo e expondo outras pessoas a riscos de acidentes. Reflita!

A calma não é importante apenas para fazer acontecer seus objetivos. A calma se mostra relevante no primeiro e mais importante movimento, que é a escolha dos objetivos. Se a escolha do objetivo for feita com ansiedade, pode acontecer que, nem a calma consiga corrigir os rumos para fazer dar certo. Todavia, a calma te dará lucidez suficiente para saber a hora de parar e começar outro objetivo, só que, desta vez, bem escolhido.

Mas, ainda pode acontecer que, uma vez bem escolhido o objetivo, no meio do caminho, você fique ansiosa, com a sensação de que o barco vai afundar. Então, você precisará se acalmar novamente, pois sua ansiedade pode colocar tudo a perder, a partir de uma ação fora de hora!

Não tome decisão envolta pela ansiedade. Pare, respire fundo e reflita. Busque se conhecer/entender e compreender os processos aos quais você está se submetendo.

O mundo pertence aos sábios, porque, uma das características mais marcantes dos sábios é o elevado nível de calma, que os permite saber esperar o momento certo. Os sábios não se movem pela ansiedade. Ao longo da vida, já vi muitos casos de pessoas que se esmeravam em estudar, obtendo diplomas de curso superior, pós-graduação, mestrado e até doutorado, mas que ficavam revoltadas ao ver pessoas sem aquelas qualificações acadêmicas todas, obtendo melhores resultados dentro de uma mesma atividade, inclusive sendo seus superiores ou até seus empregadores. Então, quando se faz uma análise deste tipo de situação, nota-se que a pessoa que está se dando melhor na vida é sabia. Ela faz tudo com calma. Ela consegue administrar crises; ela é estratégica consigo, com o que está fazendo, com quem está ao seu redor e no seu horizonte. Ela consegue enxergar de forma cristalina. Ela consegue pensar e usar a razão na sua existência.

Obs: Não estou afirmando que se esmerar para ter um belo currículo acadêmico não é importante. É muito importante ter armas e munições. Mas, é necessário saber usá-las corretamente.

A ansiedade tem a capacidade de aumentar os problemas exponencialmente. Por muitas vezes, vi grandes problemas serem reduzidos a pó, quando a calmaria envolveu as situações. E a solução, foi aquela mais simples. Com ansiedade, mais é menos. Sem ansiedade, menos é mais.

Você pode ser uma "sniper" bem treinada, com a arma mais moderna. No entanto, se na hora do confronto você escolher o seu local de tiro com ansiedade e estiver tomada pela ansiedade, certamente, todo seu treinamento e sua arma serão subutilizados ou até inutilizados, pois, uma posição mal escolhida, pode fazer com que você se torne um alvo fácil para alguém que não tenha 10% de todo seu treinamento, com equipamento bem inferior.

Eu faço uma campanha pela calmaria. Tensa e ansiosa nada sairá bem feito, tal como deveria, refletindo a sua real capacidade.

 

 

 

Por Mercelo (Prem Prabhu)